Prognóstico
Odd
Menos de 9.5 Remates à Baliza
1.55
Betano
Resultado
Erro
Afonso Canavilhas
60% Sucesso
Próg. realizados
4405
Média Odds usadas
1.64
Próg. certos
2570
Próg. errados
1730

Espanha – Alemanha (UEFA Euro 2024)

É em “clima de final antecipada” que Espanha e Alemanha vão subir ao relvado da Mercedes-Benz Arena, em Estugarda. As duas seleções têm estado a grande nível neste Euro 2024 e a expetativa para este embate é naturalmente elevada.

Análise Espanha

Afirmar que a seleção espanhola é a que melhor futebol tem praticado neste Euro 2024 corresponde a um silogismo consensual.

Os eleitos de Luis De La Fuente chegam aos “quartos” da competição com quatro vitórias em outros tantos desafios e, mais que isso, exibições de “encher o olho” – o encontro com a Albânia (vitória por uma bola a zero), com a qualificação já assegurada, foi a menos brilhante das apresentações.

Se o objetivo passa por vencer e fazê-lo com estilo, não há dúvidas de que “La Fúria” tem vindo a fazê-lo com distinção. Centrando a nossa análise no encontro dos “oitavos”, ante a Geórgia, pouco de negativo haverá a dizer, também devido ao facto de a seleção adversária não ter sido capaz de colocar os espanhóis – sim, mesmo tendo em conta que se adiantou no marcador contra a corrente de jogo.

Nem só de números se faz o futebol, mas os do encontro entre Espanha e Geórgia, ajudam a explicar o quão dominadores foram os comandados de Luis De La Fuente: 74 por cento de posse de bola, 35 remates (13 na direção da baliza de Mamardashvili) – a Geórgia não fez um único remate enquadrado – e 13 cantos a favor contra três do adversário. No final do encontro, o selecionador espanhol afirmou que “não teria sido um escândalo” se o resultado terminasse em 9-1 ou 10-1 e a realidade é que a equipa sob sua tutela criou o suficiente para construir um resultado ainda mais dilatado.

O encontro com a Alemanha dita uma tremenda subida de exigência. Até ver, o duelo com a Itália correspondeu ao maior desafio para esta equipa espanhola, mas a realidade é que a “Squadra Azzurra” esteve muito longe de criar as dificuldades pelas quais se perspetiva que a seleção espanhola passará neste desafio.

Onze provável: Unai Simón, Dani Carvajal, Robin Le Normand, Aymeric Laporte, Marc Cucurella, Rodri Hernández, Fabián Ruiz, Pedro, Yamal, Nico Williams, Morata

Análise Alemanha

Ainda que estejamos a falar de uma avaliação de índole bastante subjetiva, é justo reconhecer que a seleção alemã é das que melhor futebol tem praticado neste Campeonato da Europa.

Ainda que sem o nível da seleção espanhola em termos de “nota artística”, os germânicos têm apresentado um nível bastante decente e têm dominado sempre as ações.

A campanha alemã, na fase de grupos, saldou-se na conquista de sete pontos: vitórias antes Escócia e Hungria e divisão de pontos com a Suíça. Nos três duelos, a Alemanha esteve sempre por cima, ainda que tenha sido diante da Suíça que exibiu mais dificuldades no momento do ataque da baliza, muito por conta também a da organização defensiva de uma seleção que se encontra entre as oito finalistas da competição.

Já no “mata-mata”, a Alemanha disputou aquele que foi o seu desafio mais exigente até então. A organizada e afoita seleção dinamarquesa colocou os alemães “em sentido”, isto num encontro que os comandados de Julian Nagelsmann apontaram os dois tentos da vitória já na segunda parte.

Nos quatro encontros por si disputados, a seleção alemã teve sempre maior ascendente e procurou gerir os tempos com bola. Neste encontro, ainda que se perspetive que também passe algum tempo em organização ofensiva, a Alemanha terá uma oponente que a obrigará a passar bem mais tempo em organização defensiva que nos desafios anteriores, restando aferir como se comporta. Não se perspetivam facilidades, mas está claro que a Alemanha tem todas as condições para discutir o acesso.

Onze provável: Neuer, Kimmich, Rudiger, Schlotterbeck, Raum, Kroos, Andrich, Sané, Gundogan, Musiala, Havertz

Dica de Prognóstico

O facto de este encontro entre as seleções de Espanha e Alemanha ser por muitos considerado uma “final antecipada” não é fruto do acaso, já que frente a frente vão estar duas seleções muito bem apetrechadas e que se têm apresentado em bom plano. Atendendo ao nível das duas equipas e ao facto de se tratar de um desafio a eliminar, acreditamos numa partida muito equilibrada, em que ambas as equipas terão os seus momentos com bola. A menos que surja um golo cedo que desbloqueie o desafio, é expectável que possamos assistir a um encontro algo “amarrado”, com as duas equipas a atacarem de forma equilibrada, pela certa, por forma a não comprometerem as respetivas estruturas defensivas.

Casas de Apostas com os melhores Bónus

Boas Apostas!

Prognóstico
Odd
Menos de 9.5 Remates à Baliza
1.55
Betano
Resultado
Erro
Afonso Canavilhas
60% Sucesso
Próg. realizados
4405
Média Odds usadas
1.64
Próg. certos
2570
Próg. errados
1730