O Brasil é apontado como principal favorito à conquista do Mundial 2022 e o caminho até ao tão ambicionado Hexa como no Grupo G, partilhado com as seleções de Sérvia, Suíça e Camarões.

Curiosamente, quatro anos depois de ter enfrentando precisamente Suíça e Sérvia na fase de grupos do Mundial da Rússia, o Brasil volta a debater-se com estes mesmos adversários. A equipa camaronesa também está longe de ser uma “ilustre desconhecida”, dado que já tinha sido sorteada no grupo do Brasil em 2014. Falamos, por isso, de um grupo composto por “velhos conhecidos”.

O favoritismo da “Canarinha” segundo as principais apostas no Mundial 2022 é inquestionável e tudo faz acreditar que as duas equipas europeias acabarão a lutar pelo segundo lugar.

Registe-se na Solverde e faça as suas apostas no Mundial 2022!

Rumo ao Hexa

Há 18 anos que o Brasil persegue o tão ambiciona Hexa.

Depois de conquistar o Mundial em 2002, o Brasil não se voltou a encontrar com o sucesso e nem sequer foi capaz de chegar a uma final.

20 anos depois, a prova vai voltar a decorrer no continente asiático e as odds das principais Casas de Apostas apontam a seleção brasileira como principal favorita à conquista final.

À glória alcançada no Mundial que decorreu na Coreia do Sul e no Japão seguiram-se participações nas edições de 2006, 2010, 2014 e 2018. Em 2006, 2010 e 2018, o Brasil não foi além dos “quartos”. Em 2014, jogando em casa, chegou às “meias” e caiu com estrondo às mãos dos alemães, por sete bolas a uma, num jogo que ficou para a história do futebol mundial.

Os eleitos do Brasil dispensam apresentações. Se é sobre argumentos, condições e potencial, este Brasil está claramente num patamar bastante alto. Há permissão para sonhar alto, mas a história já ensinou que isso não chega e a “Canarinha” precisa de demonstrá-lo nos relvados do Qatar.

Nesta fase de grupos, só uma hecatombe com contornos históricos poderá impedir o Brasil de avançar, já que estamos a falar do maior favorito à vitória final segundo as odds para apostas no Mundial 2022.

As cotações para apostas no grupo G disponibilizadas pela Solverde também indicam o favoritismo da equipa brasileira por larga margem em relação aos demais adversários.

Apostas no Grupo G - Brasil

Suíça aponta aos “oitavos”

A seleção da Suíça prepara-se para a sua quinta participação consecutiva em fases finais do Campeonato do Mundo. Desde o Mundial 2006, disputado na Alemanha, que a equipa helvética não falha o apuramento para a principal prova de seleções do mundo, demonstrando uma consistência interessante.

Em três (2006, 2014 e 2018) das quatro edições em causa, a Suíça ultrapassou a fase de grupos e conseguiu mesmo chegar aos “oitavos” da competição.

No verão de 2021, conseguiu o melhor desempenho de sempre em edições do Euro ao atingir os “quartos”, isto depois de ter deixado para trás a campeã do mundo França.

O grande objetivo da equipa suíça é com toda a certeza atingir os “oitavos” a partir deste grupo G e sabe que, de um ponto de vista realista, deverá disputar o segundo lugar com a Sérvia.

Com vários jogadores em grandes campeonatos europeus como o alemão ou o inglês, a seleção da Suíça apresenta nomes como Granit Xhaka ou Xherdan Shaqiri, provavelmente os dois elementos mais mediáticas da formação comandada por Murat Yakin.

As odds para apostas no grupo G indicam o ligeiro favoritismo da Suíça face a Sérvia e Camarões na luta pela qualificação.

A Suíça é, olhando para as cotações das Casas de Apostas, a segunda principal força do grupo G.

Apostas no Grupo G - Suíça

Sérvia precisa de dar provas

Excluindo as participações enquanto Jugoslávia e a edição de 2006, na qual participou ainda sob a unificação com Montenegro, a seleção da Sérvia prepara-se para a sua terceira participação em fases finais do Campeonato do Mundo. Em 2010, na África do Sul, não foi além da fase de grupos. Em 2014, não chegou ao Brasil. Na Rússia, em 2018, também não superou a primeira fase.

Se olhar para os nomes que compõem a lista desta seleção sérvia, acabará por se aperceber de que muitos disputam os melhores campeonatos da Europa. O potencial da equipa é considerável, mas isso não é suficiente, há que demonstrá-lo dentro das quatro linhas. Dusan Vlahovic, Aleksandr Mitrovic, Milinkovic-Savic e Filip Kostic são alguns dos elementos mais mediáticos e com maior qualidade nesta equipa que, acreditamos, acabará a lutar pelo acesso à fase a eliminar do Mundial, etapa que ambiciona alcançar pela primeira vez na sua história.

A Sérvia quer discutir o acesso à fase seguinte, mas as odds para apostas no grupo G colocam a equipa dos Balcãs ligeiramente atrás da congénere helvética.

Apostas no Grupo G - Sérvia

“Leões Indomáveis” querem surpreender

A prestação camaronesa no Mundial de 1990 com Roger Milla em destaque ficará para sempre marcada na memória. Os “Leões Indomáveis” colheram simpatias um pouco por todo o globo.

Atualmente, os Camarões apresentam-se neste Mundial do Qatar enquanto conjunto mais vulnerável no respetivo grupo, pelo menos no plano teórico.

Em termos de nomes, Rigobert Song, jogador com mais internacionalizações na história dos Camarões e atual selecionador, está longe de apresentar um elenco de luxo, mas isso não incomoda esta equipa africana que dispõe dos seus argumentos para criar dificuldades aos adversários.

André Onana, Anguissa, Toko-Ekambi e Eric Maxim Choupo-Moting são os maiores nomes desta equipa que quer dar dores de cabeça aos restantes integrantes do grupo.

Está claro que a seleção camaronesa é a menos cotada no que diz respeito à possibilidade de seguir em frente na competição, mas as surpresas acontecem e os Campeonatos do Mundo costumam ser bastante ricos a esse nível.

Subestimar a seleção camaronesa é algo que nenhum dos integrantes do grupo poderá fazer.

As odds para apostas no Grupo G demonstram que a seleção camaronesa está bastante abaixo das restantes três adversárias nesta primeira fase deste Mundial 2022.

Apostas no Grupo G - Camarões

Apostas no Grupo G – Jogos – Horário de Portugal Continental

24/11/2022 – Suíça – Camarões, 10h00
24/11/2022 – Brasil – Sérvia, 19h00
28/11/2022 – Camarões – Sérvia, 10h00
28/11/2022 – Brasil – Suíça, 16h00
02/12/2022 – Sérvia – Suíça, 19h00
02/12/2022 – Camarões – Brasil, 19h00

Conclusão

O Brasil é o principal favorito à conquista deste Mundial 2022 e está claro que também parte na frente pata vencer o respetivo grupo.

O conjunto “Canarinho” vai entrar como favorito à conquista dos três pontos nos três encontros que vai disputar e a expetativa é a de que possa mesmo fazer o “pleno”.

A equipa da Sérvia tem individualidades interessantes, ao passo que a Suíça aparenta valer essencialmente pela sua qualidade em termos de processo coletivo. As duas equipas europeias deverão colocar mais dificuldades ao Brasil que a congénere dos Camarões e acabarão a lutar pelo segundo posto.

Por último mas não menos importante, a seleção dos Camarões. As suas hipóteses são reduzidas, mas os “Leões Indomáveis” nada têm a perder e vão lutar pelo acesso.

Aposte com os melhores bónus e promoções!

Boas Apostas!